terça-feira, 25 de setembro de 2018

Jubileu de Prata: relembre alguns momentos que marcaram a trajetória da EJUD

Dois mil e dezoito é um ano de muitas comemorações para a nossa Escola Judicial, porque marca os seus 25 anos de trabalho na formação inicial e continuada de servidores e magistrados. Essa jornada foi construída com diversas iniciativas para preparar os nossos profissionais para os desafios da atualidade.
Nos últimos anos, por exemplo, a Ejud adotou o sistema de educação a distância (EaD) e realizou transmissões simultâneas de cursos e palestras a outros fóruns do Tribunal. Tudo isso para aumentar a abrangência de suas atividades e capacitar o maior número de pessoas possível.
Ao longo dos anos, diversos diretores deixaram a sua contribuição para o aperfeiçoamento das atividades. Por isso, a escola resolveu aproveitar as comemorações do Jubileu de Prata para homenageá-los. A cerimônia oficial aconteceu no dia 7 de agosto no Fórum Ruy Barbosa, durante a abertura do 5º Ciclo de Formação Continuada de Magistrados do TRT da 2ª Região.
Na oportunidade, os ex-diretores (ou seus representantes) receberam placas de agradecimento, à exceção de três deles, que não puderam comparecer. Para não deixar de prestigiar quem contribuiu com trajetória da Escola Judicial, o atual diretor da Ejud-2, desembargador Adalberto Martins, decidiu finalizar as homenagens nos últimos dias 18 e 19.

Da esq. para a dir., desembargadoras Lilian, Lizete e Jane recebem homenagens da diretoria da Ejud-2

O diretor da Escola Judicial realizou uma visita institucional aos gabinetes das desembargadoras Lilian Gonçalves, Lizete Belido Barreto Rocha e Jane Granzoto Torres da Silva para realizar a entrega das placas (foto acima). A desembargadora Bianca Bastos, que é conselheira da Ejud, também esteve presente em duas dessas visitas.
No mesmo dia da cerimônia oficial, como parte das homenagens, foi inaugurado, nas dependências da Ejud, no Fórum Ruy Barbosa, um painel com as fotos de todos os ex-diretores (José Victório Moro, Renato de Lacerda Paiva, Decio Sebastião Daidone, Yone Frediani, Jane Granzoto Torres da Silva, Lizete Belido Barreto Rocha, Maria Inês M. S. Alves da Cunha, Lilian Gonçalves, Carlos Roberto Husek e Leila Aparecida Chevtchuk).
O desembargador Adalberto comanda a Ejud-2 até o dia 30 de setembro. A partir de 1º de outubro, a Escola Judicial passa a ser dirigida pelo desembargador Sergio Pinto Martins, eleito em 1º de agosto. 

Fonte: Secretaria de Comunicação Social - TRT2